01 fevereiro 2018

Indicação de série: Lúcifer

Uma das coisas que amo fazer quando encontro uma folga é ver séries, e procurar novas séries para não ficar super ansiosa quando uma série que a próxima temporada só volta em 2019 (ainda não to sabendo lidar com Stanger Things). E para isso acabo procurando outras séries para assistir, e antes de encontrar uma que tenha algo de interessante e me prenda na frente do computador para ver o próximo episódio, acabo pesquisando muito, ou assisto uma em que vejo um quote interessante na internet que me deixe curiosa para assistir como aconteceu com Lúcifer.

Resultado de imagem para série lucifer

Sinopse: Entediado e infeliz como o senhor do inferno, Lúcifer abdica seu trono e abandona seu reinado para viver na atordoada Los Angeles. Lá, ele dá inicio a outro empreendimento: Um piano-Bar chamado Lux.
Série é original da Fox, baseada no quadrinho homônimo do Neil Gailman e é publicado pela Vertigo, da DC Comics. 

Tom Ellis é o ator que da vida ao  Lúcifer Morningstar, e me desculpe o comentário mas é impossível não se apaixonar por ele, ele atua tão excelente bem que fica difícil não se encantar por um sorrido desses. E outra, Lúcifer é louco, sem noção, super divertido e fica difícil você logo no primeiro episódio não gostar de um personagem desses. A série em sí tem personagens muito bem construídos, mas não tão bem como o próprio Lúcifer. Vimos um Lúcifer com crise existencial e com problemas psicológicos e mesmo quando ele mostra a verdade face dele, chega até ser cômico.


A principio a série é basicamente resolver casos policiais, cada episódio é um Crime diferente para ser resolvido. Mas sempre tem uma trama principal no fundo, que vai aos poucos sendo revelada ao decorrer da série. O importante é ir pegando os detalhes dessa trama e juntando, como se fosse um quebra cabeça. Como a série é policial, existe vários gêneros nela como fantasia, mistério, comédia, menos terror, o que é super legal por esse ponto.

Vamos ao Trailer:

É uma série que está ganhando vários fãs pelo mundo todo, e seu crescimento está cada vez aumentando, a maioria que como eu acabou vendo o primeiro episódio por curiosidade, passou a acompanhar. E para quem ama memes, a série é cheia deles.


Alerta de Spoiler:O nosso querido Superman (Tom Welling) está de volta, ele vai aparecer na Terceira temporada como Marcus Pierce, um renomado oficial de polícia que é tudo o que Lúcifer não é: estrategista, reservado e respeitado. Porém ambos são carismáticos, divertidos, e incrivelmente bonitos (já posso dizer que to amando ver meus dois crush atuando juntos).

Resultado de imagem para tom welling e tom ellis


É apenas uma série, é um personagem fictício, não vai mudar a sua interpretação do verdadeiro Lúcifer, isso porque é uma história baseado em quadrinhos, o Lúcifer aqui é baseado na história de quadrinhos da HQs que faz parte do multiverso da DC.
E sim, estamos apenas assistindo um ator chamado Tom Ellis em uma história fictícia!



Espero que tenham gostado <3
Beijos


22 janeiro 2018

Quotes: A Última Carta de Amor- Jojo Moyes

Recentemente li o livro A última Carta de Amor de Jojo Moyes e confesso que parei várias vezes, pelo fato que a história demorou um pouco para acontecer. Mas depois de certo momento fiquei presa completamente pelo livro e torcendo pela história de amor de Jennifer Stirling e Anthony O'Hare.

De fato o livro me surpreendeu mesmo, isso porque o gênero digamos "romântico" não é um dos meus preferidos, mas é sempre bom variar um pouco a leitura. Jojo Moyes conseguiu me encantar pela "luta" dessa história de amor de casais que tinham tudo para dar certo, mas como a vida gosta de complicar eles acabam se afastando, e quem ta lendo sente até uma dor e fica sempre torcendo para que tudo fique bem, e com o passar de muito e muito tempo, acaba ficando.

Separei alguns quotes que adorei desse livro para mostrar pra vocês:


"Uma pessoa gosta de você, você gosta dela. Vocês ficam juntos, e é mais ou menos isso." Pág. 10


"Ela descobrira que as memórias podiam de fato alojar-se em outros lugares que não a mente."  Pág.39


"As palavras pareciam ecoar um som lá do fundo. Descreviam acontecimentos que, mesmo sem que ela conseguisse lembrar, tinha uma ressonância profunda, como as vibrações de um enorme sino muito depois de ele ter parado de tocar." Pág. 80


"Depois ela se lembraria dessa viagem de vinte minutos e se daria conta de que olhava as ruas cheias de gente, as vitrines chamativas das lojas com olhos de um turista, como se fosse um correspondente estrangeiro que nunca tivesse visto aquilo antes. Só notava algum detalhes, uma impressão que se destacasse, sabendo que poderia não tonar a ver aquilo de novo. Sua vida tal como ela conhecia acabara, e ela tinha vontade de cantar. Pág. 194


"Seus olhos se encontram, e, naqueles poucos instantes silenciosos, ele lhe disse tudo. Disse que ela era a mulher mais incrível que ele já havia conhecido. Disse que ela assombrava suas horas de vigília, e que cada sentimento, cada experiência que ele tivera na vida  até aquela altura tinham sido sem graça e sem importância diante da enormidade daquilo". Pág. 100


"Você é a forte de nós dois, a que é capaz de suportar conviver com a possibilidade de um amor como este, e com o fato de que ele jamais nos será permitido." Pág. 175


"Saiba ao menos isso: em algum lugar deste mundo há um homem que a ama, que entende quão preciosa e inteligente e boa você é. Um homem que sempre a amou e que, por mais que tente evitar, desconfia que sempre a amará." Pág. 189


 "Não sei ao certo como conquistei o direito. Não me sinto totalmente seguro desse direito mesmo agora. Mas a própria chance de pensar em seu rosto lindo, seu sorriso, e saber que alguma parte disso poderia me pertencer talvez seja a coisa mais importante que me aconteceu na vida." Pág. 261


"Certa vez uma pessoa sábia me disse que escrever é perigoso pois nem sempre podemos garantir que nossas palavras serão lidas no espírito em que foram escritas." Pág. 306




É um romance que vale a pena ser lido, mesmo que você assim como eu não seja fã, tenho certeza que vai ser surpreender com o desfecho dessa história.
 Beijos






13 janeiro 2018

2018: Que tudo que for bom, chegue e fique!

Que tal começar o ano com o pé direito e com uma das melhores frases de Clarice Lispector "Que tudo que for bom, chegue e fique". Uma das coisas que aprendi mais em 2017 foi ter mais gratidão pelas coisas que foram-me presenteadas e parar de reclamar pelas coisas ainda não consegui ter, mas com jeitinho e paciência tudo a gente conquista.


São dados 365 dias de oportunidades para se evoluir como ser humano, para trabalhar e colher futuramente os resultados, então o que não podemos fazer é sentar e esperar resultados diferentes. Todo inicio de ano sempre é a mesma coisa, fazemos uma lista de coisas para realizar durante o ano, e essa lista na verdade acaba ficando no fundo da gaveta, você simplesmente esquece e aquela empolgação toda de quando estava escrevendo e pensando nas metas acaba deixando de existir. 

Antes costumava fazer metas aqui no blog, e resultado disso era que toda vez não conseguia realizar, mas era mais por falta de tempo mesmo e um pouco por falta de vontade (confesso). E como estou mais organizada ultimamente vou realizar as metas que já fiz aqui no blog e não cumpri que são:

-Look do Dia
Essa é uma meta que fiz várias vezes e não cumpri, ano passado até tirei algumas fotos de looks, mas confesso que não ficaram boas, então decidi não publicar aqui, até ter prática nas poses para ficarem bem naturais possível rsrs.

-Document Your Life
Esse é um projeto super foto que  vi tem bastante tempo, porém nunca pude participar porque não tinha uma filmadora de qualidade para filmar alguns momentos e fazer um vídeo todo mês. Mas agora consegui uma filmadora, e em breve vai ter vídeos fofos por aqui sim (aí o blog vai está com mais cara ainda de diário).

-Domínio
Já coloquei no papel várias vezes para não esquecer, mas esse ano o blog vai ter domínio próprio sim.

-Concurso Cultural
Sempre achei Concurso Cultural algo maravilhoso, isso porque sou péssima com sorteiros, não tenho sorte para ganhar um sequer. Mas concursos culturais você tem uma chance para dar a melhor resposta e torcer para que nenhum outro tenha dado uma resposta melhor que a sua. E como adorando fazer peças em feltro (em breve vai ter post desse meu novo hobby) vai ser algo que criarei em feltro para presentear um leitor.

-Cartas para Leitores
Um certo tempo atrás enviei cartas com desenhos para os leitores do blog (foram muitos pedidos, mas dei conta de todos) e como foi uma das metas do ano passado que também não cumpri, e esse ano estou mais organizada com a minha rotina de escrita de cartas (troco cartas ), vou selecionar alguns leitores para enviar cartinhas com mimos bem fofinhos  (para quem ama coisas de papelaria).



E quais suas metas para esse 2018? diz aí nos comentários, beijos <3




06 dezembro 2017

Um pesadelo chamado: Trabalho em grupo!

O post de hoje está relacionado a mais um capitulo da minha vida, na categoria de diário pessoal, é um dos pesadelos que tenho que conviver a cada semestre , que me tira o sono, aumenta meu estresse e me deixa com o emocional super abalado. Esse pesadelo se chama Trabalho em grupo!


Trabalho em grupo sempre foi uma especie de pesadelo pra mim, desde a época do colegial, mas era apenas para apresentar trabalhos as vezes para a turma no modo seminário, e sempre tinha aqueles que não vaziam nada, apenas estavam ali de enfeite, desde falando uma palavra ou segurando a cartolina, sério, ainda ganhavam média por isso. Na minha percepção as coisas melhorariam quando eu estivesse na faculdade, as pessoas seriam mais responsáveis e interessadas. Mas essa minha percepção foi profundamente dilacerada por ainda serem piores do que o colegial, pelo fato que antes mesmo não ajudando ficavam caladas porque sabiam que estavam erradas. Hoje mesmo não ajudando se acham no direito de opinar, criticar e ainda atrapalhar.


Uma das coisas mais engraçadas que eu percebi foi nos grupo de WhatsApp, cada grupo de faculdade precisa ter o seu, e são geralmente dois, um que está todos os integrantes da sala que é o grupo da Turma, e o outro é o seu grupo, que está os membros de sua equipe. Mas aí você está se perguntando se esses membros postam coisas relacionadas ao estudo, as matérias, um ajudando o outro... Mas gente, esses grupos só sabem interagir quando postam piadas, quando perguntamos alguma coisa relacionada a matéria ninguém sabe nada, apenas visualizam.

Como eu fiquei (ainda estou) sem WhatsApp esse semestre tudo foi bem mais tranquilo, foi menos uma raiva que eu não passei. Não tive pessoas insuportáveis no meu grupo como aconteceu no semestre anterior que foi um dos mais deprimentes, estressantes, e horríveis que eu passei. Vida de universitário não é boa gente, vejo gente tão feliz quando entra pra faculdade, pena que essa felicidade vai acabar logo logo com o  primeiro trabalho em grupo.


Em trabalhos em grupo você vai passar raiva, vai se estressar, querer matar a pessoa que não faz nada, isso é super normal, com o tempo você aprende a lidar com esses sentimentos. Mas ao longo dessa trajetória você vai encontrar algumas pessoas (isso é raro) que realmente se interessam, responsáveis e interessadas igualmente você. Eu tive a sorte de ter algumas em meu grupo, se não fosse isso eu sairia da faculdade direto para um hospício kkk (to rindo, mas é de nervoso porque isso é bem sério).


Já estou de férias, ano que vem vou para o 5° Semestre de Pedagogia, essas férias apenas vou recuperar meu psicológico que ainda está um pouco abalado, mas fora isso estou super bem.



Quem aí se identifica? diz aí nos comentários <3

Beijos



© Nada De Conto De Fadas - 2015. Todos os direitos reservados.
Design Criado por: Gabriela Izidório.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo